O Cuidador de Idosos está exercendo a função de facilitador de uma etapa no caminho do viver de um ser humano. Muitas vezes o idoso está vivenciando: A impotência; A dependência; A depressão: as vezes causada por morte do cônjuge, aposentadoria, limitações, reação a medicação, etc; A ansiedade frente a patologia, o medo, etc. 

Pacientes idosos usam, em média, 3 a 4 tipos diferentes de medicamentos ao dia, em horários variados.

Quanto maior o número de medicamentos usados, maior a chance de erro de dose, de horário e de troca de medicação, tanto por parte do idoso, como por parte do cuidador, geralmente já sobrecarregado com suas múltiplas tarefas.

Para evitar problemas maiores, e considerando que o uso correto da medicação é fundamental para o bom andamento dos cuidados.

Pessoas com dificuldades de memória encontram uma série de problemas no dia-a-dia, causando estresse para o paciente e familiares.

Todos nós já tivemos lapsos de memória ocasionalmente, e isto acontece com mais freqüência quando nos tornamos mais velhos.

Quando estamos sob pressão ou tentando fazer muitas coisas ao mesmo tempo, é mais difícil nos concentrarmos, e então começamos a esquecer coisas ou confundi-las.

Nossa memória pode ficar pior se nós não estamos nos sentindo bem ou mesmo cansados após um longo dia. Esses tipos de variações são perfeitamente normais.

O Esquecimento para saber os nomes das pessoas, de coisas e das situações, confundir e trocar palavras. 

Algumas mudanças que o cuidador pode notar na comunicação do idoso com demência:

  • Dificuldade de achar uma palavra e, no lugar, dizer uma palavra relacionada. Ex.: em vez de dizer caneta, diz ”aquela coisa de escrever”.
  • O idoso pode não entender o que você está falando, ou só entender parte da frase.
  • Pode até falar fluentemente, mas sem nexo e sentido.
  • Pode apresentar dificuldade de escrever, e de entender o que está escrito.
  • Pode não ter condições de conversar normalmente.
  • Pode ignorar as pessoas, parar a conversa no meio, falar sozinho.
  • Pode ter dificuldade de expressar suas emoções: sorrir quando sente dor; ficar agitado ao expressar carinho e afeto.

Orçamento

Entrada Inválida
Digite o e-mail
Digite a mensagem
Top