A Atenção ao idoso acamado

Posicionamento no leito
O paciente acamado precisa de muita atenção. É importante alterar o posicionamento no leito ou na cadeira de rodas periodicamente evitando assim, o surgimento de úlceras de decúbito (escaras)

Particularmente, no paciente que sofreu um Acidente Vascular Cerebral (derrame), é importante que ele fique bem posicionado e que esteja confortável.

 

Posicionamento no decúbito dorsal (barriga para cima). O braço comprometido deve estar sempre estendido e apoiado em um travesseiro. A perna lesada deve ter embaixo do joelho um travesseiro, favorecendo uma flexão discreta; impedindo que todo o membro inferior fique rígido em extensão. Nos casos em que a perna toda está rodada para fora (rotação externa) coloque um apoio deixando-a reta em posição neutra.

 

Acomodação do paciente sobre o lado hemiplégico (paralisado). O cotovelo deve estar bem estendido, a palma da mão virada para cima.

Ao vestir-se: o membro superior afetado deve ser o primeiro a ser vestido e o último a ser despido. Se a mão estiver fechada, deve ser colocado um rolo feito de tecido ou atadura utilizada para enfaixes, na mão comprometida, estimulando que fique aberta

Devem ser realizadas massagens no corpo do paciente (pés,tornozelos, mãos, ombros, músculos próximos à coluna, mãos,ace, etc), principalmente no paciente diabético. A massagem pode ser circular ou de deslizamento. É benéfica para o relaxamento, para a circulação sanguínea e a percepção do próprio corpo

Exercícios
Os itens abaixo mostram exemplos de alguns exercícios que podem ser feitos com o paciente. Movimentar os dedos dos pés. Mobilizar os tornozelos para cima, para baixo e em movimentos circulares para os dois lados. Flexionar (dobrar) e estender os joelhos. Com os pés apoiados na cama e os joelhos flexionados, faça o movimento de separar e unir os joelhos. Movimentar os braços elevando-os e estendendo-os, flexionando o cotovelo e estendendo, abrindo os braços e voltando a posição inicial Movimentar os punhos e os dedos. Com as mãos do paciente entrelaçadas e osbraços estendidos, fazer movimentos circulares No caso do paciente que teve A.V.C., além dos exercícios citados acima, é importante movimentar o braço afetado, mantendo sua perna e o pé afetados apoiados na cama O s membros não comprometidos também devem ser movimentados. Na coluna cervical (pescoço) realizar movimentos para baixo, para cima, para os lados e na diagonal. Os movimentos devem ser lentos. Em caso de necessidade ajudá-lo no exercício O paciente deve ser estimulado a tocar seu próprio corpo com o membro superior comprometido, tocando com sua mão algumas partes de seu corpo como a cabeça, nariz, boca, abdômen, joelhos, pés, etc Na posição ortostática (em pé), apoiar os braços em uma mesa e soltar o peso do corpo nos braços, e transferir o peso para cada braço; soltar também o peso do corpo no membro inferior comprometido No quarto desse paciente, as mobílias, o criado mudo, a televisão e a porta devem estar do lado comprometido, estimulando que ele olhe por esse lado. A poltrona ou cadeira deve ser resistente e com braço, pois o braço do paciente deve estar estendido e apoiado. Amão deve estar aberta, se possível O paciente deve tentar utilizar ao máximo seu lado comprometido.

Orçamento

Entrada Inválida
Digite o e-mail
Digite a mensagem
Top